terça-feira, 2 de agosto de 2011

O telhado da minha vizinha é melhor que o meu!



Ai ai ai, mas afinal o que vem a ser isto? Está tudo louco ou quê?
Ok ok, eu explico antes de começar aqui a disparar palavrões que nem uma louca.

No prédio ao lado do meu existe um casal que tem por hábito ir para o telhado apanhar sol em pelota, bom, não sei se posso dizer pelota uma vez que são duas tipas, mas vocês perceberam certo? Eu cá não tenho nada contra, até evito de ir à janela da sala para que estas senhoras usufruam da sua privacidade. Longe de mim ir lá espiolhar se bem que os meus amigos não se importavam nada ;)

No domingo (fim-de-semana karmico), estava eu sentadinha no meu sofá e oiço umas vozes no telhado, espreitei e lá estavam elas e mais duas amigas por sinal estrangeiras. Voltei ao meu lugar tranquila, afinal não era nada de novo. De repente, qual não é o meu espanto, quando vejo uma das fulaninhas pendurada na escada de incêndio do meu prédio mesmo na minha janela da sala a tirar fotos. Passei-me da marmita, literalmente! Lancei dois berros para chamar a gringa e ela ignorou completamente. Abri a janela e bati-lhe no ombro e vociferei mais algumas palavras ao que a senhora responde: I dont understand!
Pensei - Ah senhores tás aqui tás a comer e não é um pastelinho de Belém. Num abrir e fechar de olhos lá a mandei para a terra dela e só parei de blasfemar quando saltou de volta para o lugar dela.

Xiça pá, mas uma pessoa já não pode estar sossegada em casa? Qual é a parte que a tipa não entendeu? Lá que andem a partir telhas do sitio onde moram, é lá com elas, agora andar a espiar os prédios vizinhos à descarada e ainda por cima de máquina fotográfica na mão.
Pfuu....devia era ter levado com um pano encharcado na tromba.

Mas vá, isto sou eu que tenho um temperamento difícil e felizmente sou proprietária de um blog onde posso desabafar à vontade.




15 comentários:

  1. Inacreditável!!! Fizeste muito bem. Quando penso que já vi de tudo, eis que surge mais uma. Tinha que lhes dar muitas... Invasão de propriedade e privacidade alheia. Fico lixada com tipos estrangeiros abusados no país da gente. Que folga! Era para ter mais respeito.

    ResponderEliminar
  2. E digo-te mais. Há certas reações totalmente necessárias, não é temperamento difícil não. Abuso tem que cortar e logo, sempre.

    ResponderEliminar
  3. Precisava de um banho de agulheta. eheheh

    ResponderEliminar
  4. Estava mesmo à espera de ler algo do género: "As duas lésbicas começaram a comer-se uma à outra no telhado". lolololololol. ;)
    (a minha imaginação é muito fértil)

    ResponderEliminar
  5. Fónix, nessas alturas não estou contigo, só quando o carro avaria...
    Já percebi que as gringas não são pekelekas... se fossem iriam perceber bem quando as mandasses para a terra delas... é o karma.

    ResponderEliminar
  6. Eu acho que devias era instalar uma câmara e abrir um canal no youtube, ainda ganhavas umas massas. E são giras, ao menos?

    ResponderEliminar
  7. Que riso! Há gente para tudo.

    ResponderEliminar
  8. Querida Marta, estou assim :O
    Acontece-te cada uma!! E que bem que descreves estas situações! Para nós é uma risada, associada ao espanto! ;)

    ResponderEliminar
  9. É nestes momentos que eu gostaria de morar noutro lugar e bem perto do telhado :) iria haver uma competição para saber quem iria tirar mais fotos :)

    ResponderEliminar
  10. ... e o telhado era de zinco?

    ResponderEliminar
  11. epa tenho que ver essas vizinhas,marca la a tal janta :P

    ResponderEliminar
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

Talk to me ;)