quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Questions???



Será que a nossa vida cabe numa mala?
O que escolheria para levar comigo?
Quais os bens materiais que não poderia deixar para trás?

Ou será que o começar de novo significa deixar tudo no sítio onde está e do outro lado do mundo viver apenas com o que levo no coração?

12 comentários:

  1. Oi !!!
    Para euzinha..essa é fácil..já comecei de novo apenas com o que tinha no coraçao !
    é uma looonga história rs..eu abri mão de tudo o que tinha pra começar de novo e ser feliz ! e nao me arrependi nem por um minuto !
    Beijoooooooos

    ResponderEliminar
  2. Querida Marta, com o que se leva no coração e também as nossas roupinhas, sapatinhos, malinhas, alguns livros...
    Beijinhos ;)

    ResponderEliminar
  3. Somos demasiado materialistas para vivermos só com o que se leva no coração.
    Leva também umas roupinhas, porque do outro lado do Mundo é capaz de fazer frio loool.

    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. Algumas pessoas já me disseram isso, que a minha vida caberia dentro de uma mala (devido a não ficar muito tempo no mesmo lugar) e eu rio-me disso.
    Não creio que a mala seja sequer importante para levar, se o que tiveres no coração estiver repleto de esperança, vontade e amor.

    ResponderEliminar
  5. ººº
    Questões complicadas, nem quero pensar, deixar fluir o dia-a-dia.

    Bjooo

    ResponderEliminar
  6. Sou muito agarrado a tudo , mas há começares de novo em que devemos deixar tudo para trás...

    ResponderEliminar
  7. Perguntas muito complicadas...
    Gostei da tua barra lateral com fotos dos locais onde estives-te :)
    Acho que vou "copiar" pro meu blog :D

    ResponderEliminar
  8. Nada de malas

    só o corpo inteiro

    com asas

    ResponderEliminar
  9. Pois bem, as perguntas são muitas, mas tu já tens as respostas. De qualquer modo, se me permites a inconfidência, acho que deves optar pelo equilíbrio: podes começar de novo com o que levas no coração, complementando com alguns objectos mais supérfulos (à vista desarmada). Não me parece que sejas capaz de passar sem um ou outro livrito, o teu "portátel", o teu softstone e a fuji. Para onde quer que fosses (que eu sei que não seria para longe), terias que estar am contacto com o resto do mundo. Por isso, independentemente do que estiver na calha, sei que há um sítio onde te encontrarei sempre: Aqui.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo2.12.10

    Pensa sobre o que falamos.

    ResponderEliminar
  11. Minha vida não cabe em uma mala... não cabe em lugar algum, só no meu peito que bate forte e é só meu.

    ResponderEliminar
  12. Não cabe numa mala... e o que está no coração, só, não chega! ;)

    ResponderEliminar

Talk to me ;)