segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Caprichos de criança

A minha pequena aparece em casa com um papel na mão dizendo:vem ser escuteiro por um dia!

Convence-me a leva-la até ao local no dia e hora marcada. Pensei: Isto é só ir lá deixa-la e depois passo lá ao final do dia para a ir buscar. Pois, fia-te na Virgem e não corras! A Chefe Teresa deitou-me logo a mão e sem porquês articula bem alto no meio da multidão: a Mãe também fica connosco até ao final do dia. Ai senhores, que nem tempo me deu para pestanejar. Quando dei por mim estava numa roda de gente, entre escuteiros e pais dos meninos “ wannabe”. Tive de dar um passo em frente e dizer bem alto: O meu nome é Marta e tenho 33 anos. Tenho quase a certeza que a minha querida Beatriz só não se desmanchou a rir por respeito. Meu Deus, a minha figurinha. Fiquei vermelha que nem um tomate e pensei: Mas quando é que foi que eu cresci?

Fui entretanto evangelizada pelo Chefe Henrique que nos explicou o que é o escutismo. Sim, não pensem os pais que aquilo é um ATL onde se deixam os putos aos sábados à tarde enquanto os papás vão ver as montras da Baixa. Fiquei esclarecida em relação à pedagogia da coisa e até acho que se ainda não tivesse “comprado” a ideia o faria logo de seguida. Houve lanche também embora eu não me tivesse atrevido a chegar perto da mesa que transbordava bolos e tortas da DAN CAKE.

Já referi também a parte dos cânticos e das palmas? Pois…podem rir, agora até dá vontade.

Mas para quem pensa que tudo acabou por aqui está enganado. A Beatriz não quis só inscrever-se nos escuteiros mas também na catequese. Sim, parece que ela escolheu a sua orientação religiosa e quem sou eu para opinar. Fomos de seguida tratar disso também e foi algo tão inesperadamente rápido que a catequista diz com um sorriso brutal: Amanhã (domingo) já vamos começar, das 10h00 às 11h00 a primeira aula e depois vamos à missa e a mamã também vai.

Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!

E perguntam vocês onde estava eu por voltas das 11h00 de Domingo?

6 comentários:

  1. Então, onde é que estavas por volta das 11 horas de Domingo?
    Já ouvi dizer ques estavas a balbuciar palavras estranhas, e que te sentavas e levantavas ao sabor das palavras de alguém que te cobrou uma pipa de guita por inscreveres a tua filha no "ATL-wannabe"... é uma das consequências de se crescer... a seguir uma voltinha no Shopping para comprar roupa nova :)

    ResponderEliminar
  2. R. não te esqueças da parte da "paixão de cristo". LOLOL...
    Essa eu pagava para ver!

    ResponderEliminar
  3. L. Acho que não ias ter sorte... nem pagando. E a nossa M. não se comove com esse tipo de paixão. Pelo contrário, já estou a imaginar as expressões que terá feito quando sentiu que alguém se poderia aproximar para lhe roubar um beijo:)

    ResponderEliminar
  4. Eu não sou mãe mas imagino que valha a pena o sacrificio pela tua pequena :)

    ResponderEliminar
  5. Pois é R…essa é outra…não tarda ando eu às voltas para lhe comprar a “farda”.
    Mas já estou a juntar um dinheirinho para o gasto  Depois quero ver toda a gente na Igreja no dia da “promessa”.

    *

    Sim Limão, essa foi mesmo a parte mais difícil, mas nada que não me habitue. Já pensei que posso sempre desculpar-me com a cena da gripe.

    *

    R, safo-me com a gripe A, que tal? Vais ver que resulta.

    *

    Oh Cereja, é claro que compensa. A minha filhota merece tudo, venham os sacrifícios!

    Beijos para os 3!

    ResponderEliminar
  6. Não te queremos com gripe... vêm aí dias bons, e tens que os degustar.
    E a tua filhota é sempre uma alegria lá em casa... e gosta dos primos todos:)

    ResponderEliminar

Talk to me ;)