terça-feira, 18 de julho de 2006

Go with the flow...


É precisamente isto que tenho feito… deixo-me ir com a corrente, misturada no meio do cardume.
Ainda estou meio tonta do trambolhão que dei mas aos poucos a ferida vai fechando e não tarda só resta a cicatriz. Eu sei que é assim, é sempre assim…desta vez não será diferente. Por isso a cada dia que passa o sol nasce com mais força e isso dá-me ganas! Não vou andar triste, abatida…melancólica, tenho é de andar para a frente. Até já encontrei uma vantagem para tudo isto, voltei a escrever, pois este aperto no peito dá-me para isto, bom, podia ser pior, podia dar-me para chorar…mas eu não sou assim. Também choro, claro mas só quando a dor bate, agora, sinto-me dormente!
A vida são dois dias e eu sinto que já vou a meio.

Às vezes não compensa o que se dá para o que se recebe em troca no entanto, nunca me arrependo do que não fiz, mas do que deixei por fazer, por isso, toca a remar o barco para a frente e nada de olhar para trás.

Um brinde aos novos ventos e à nova maré!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Talk to me ;)