sexta-feira, 11 de março de 2016

Assunto para valentes!

Houve uma altura em que por aqui só se escrevia coisas complexas, como são os assuntos do coração. Desengane-se quem pensa que esta coisa dos amores é para meninas! É para valentes, isso sim, porque quanto maior é o amor, maior poderá ser em queda. É da queda que vos vou falar. Do autêntico esbardalhanço, se me permitem o termo. Eu, por exemplo, tenho imenso jeito para a queda, de tal forma que estou a pensar tirar um Pós-doc.

Esta coisa de dizer: Ah e tal...já me passou, nem penso no gajo.
Tretas! Tudo tretas! Há que os ter no sítio e reconhecer que, de vez em quando, ainda ando de joelhos, a chorar baba e renho, por algo que se foi há muito. Não confesso, assumo! Sim. Odeio-o de tanto que gosto. Ainda gosto dele. Assumo que sempre que posso espreito como vai, o que faz, pelo menos do que partilha. Malditas redes sociais, são tão boas, tão boas que nos mostram mesmo o que, aparentemente, está escondido. Já dizia o outro, gato escondido com rabo de fora. Desprezo-o tanto que não me consigo afastar. Estas coisas do coração não são para fraquinhos, pois há que ter um estômago forte para vê-lo ao lado da "outra" que agora assume o papel de "a tal", ou the special one (em inglês soa sempre melhor). Depois vem a amiga e diz: Mas porque é que vais à procura se sabes o que vais encontra? Ó senhores! O humano é um ser estranho. O que fazer quando a cabeça diz uma coisa e o coração outra? É que este gajo (o coração) têm vontade própria. Não há maneira de o meter na ordem.

Eu sei, eu sei, isto passa! Mas primeiro que passe...it´s a bitch! 

3 comentários:

  1. Em parte, entendo-te!
    Também vou vasculhar as redes sociais, ainda que raramente, mas faço-o!!
    No entanto, eu não o amo, é mesmo só a curiosidade! Estou a conseguir ultrapassar muito bem a ruptura! Talvez pela desilusão que ele se tornou ao fim de 10 anos e eu o deixei de reconhecer!

    ResponderEliminar
  2. Entendo-te tão bem :) E isso é mais do que natural.. muitas das vezes é bem escondido!!

    ResponderEliminar
  3. hummmm anda por aí um broken heart!
    como tu dizes....vai passar...é só dar o devido tempo que por vezes é uma verdadeira
    eternidade...mas confiança e otimismo!!!

    ResponderEliminar

Talk to me ;)