terça-feira, 1 de setembro de 2015

Apanhada pelo anzol

Ando outra vez entretida a fabricar as minhas bijuterias. Isto é uma onda que ora vai, ora vem, que para além de ser uma terapia para aliviar o stress, como outra qualquer, faz andar bonita e a um preço mais económico.

Descobri uma loja nova (chinês) que tem um mostruário de peças fabulosas e em preços fantásticos, basta ter olho e imaginação para criar. Por lá há de tudo, difícil é sair sem comprar nada.
Desta última vez que lá fui (sou cliente assídua), comprei uns peixes com anzol que fazem de fecho para pulseiras. Ora vejam na foto! Não fica giro?
Penso que vou ter de fazer uma nova visita à loja e trazer mais uns quantos peixinhos para começar a a fazer uns quantos presentes para oferecer no Natal. Não acham uma boa ideia? 

6 comentários:

  1. Que fixe! Eu adorava ter jeito... Olha s encontrares apetrechos relacionados com gatos, eu compro-te uma pulseira :)

    ResponderEliminar
  2. O que eu (Ela) posso dizer é que estou disponível para receber presentes! Aliás, estamos, se entretanto arranjares algo masculino! ahahah

    Eu (Ela) também já fiz imensas bijuterias. Já andei em várias feiras armada em feirante e em pessoa que sabe disto... Mas acabei por me fartar. Acho mesmo que tenho que voltar a fazer. É como dizes, é destressante :P


    - Ela e Ele, do blogue de casal.
    Blogue | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  3. acho uma ótima ideia!
    e olha que ficam bem bonitas!

    ResponderEliminar
  4. Há anos que não vou à pesca...
    Bela "pescaria", a tua!
    :)

    ResponderEliminar
  5. O conceito seria bem aplicado em vestuário.
    Uma blusa ou um casaco.
    Mas estou mais virada para a blusa.
    E ao invés de um peixe indistinto, um carapau - para as festas dos santos populares.

    Imaginação não me falta! :D

    ResponderEliminar

Talk to me ;)