segunda-feira, 23 de junho de 2014

Sputnik meu amor


Está lida mais uma das "loucuras" de Murakami.

Uma história mirabolante que me fez companhia durante alguns dias. Numa das últimas páginas, li uma frase que me fez reflectir uma e outra vez. Acabei por sublinhar com um marcador e, depois de terminar o livro, voltei atrás e reli-a uma vez mais.

"Porque será que estamos condenados a ser assim tão solitários? Qual a razão para tudo isto? Há tanta, tanta gente neste mundo, todos à espera de qualquer coisa uns dos outros, e ,contudo, todos irremediavelmente afastados. Porquê?"

Next!
A jóia das sete estrelas - de Bram Stoker.

12 comentários:

  1. Este frase é mesmo muito boa!!!!
    tão real!
    já estive para ler este livro, é bom?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens de gostar de Murakami. Se já leste algum livro dele e gostaste, então sugiro que leias este também, senão, começa pelo meu favorito - Kafka à Beira Mar.

      Eliminar
  2. Interessante a citação, e bem pertinente a indagação.

    Hoje lembrei-me de você, pois estive no correio e vi selos do Mundial 2014.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carolina,
      Foi uma frase que me deixou a pensar...
      A sério? Devem ser muito giros! Se tiveres algum por ai manda para mim ;)

      Eliminar
  3. Ando curiosa com esse livro, acho que vou ter de o comprar ;)
    Adorei a frase, dá que pensar!


    Beijinho*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pink,
      Como disse há Estrela, tens de gostar de Murakami. Se já leste algum livro dele e gostaste, então sugiro que leias este também, senão, começa pelo meu favorito - Kafka à Beira Mar.

      Eliminar
  4. Ler Murakami é absolutamente desconcertante construtivamente.

    ResponderEliminar
  5. Eu comprei este, em versão de bolso, para experimentar Murakami...Gostei, mas não me deixou arrebatada... Duvido que volte a ler algo dele...
    Para mim...Saramago é que me faz pensar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lea,
      Como referi antes,tens de gostar de Murakami, caso contrário este não é um bom começo. Eu já li quatro livros dele, este foi o quinto, e embora não esteja entre os meus favoritos dele, é Murakami, entendes?
      O meu favorito é o Kafka à Beira Mar.

      Eliminar
  6. Eu só li um dele, no Verão passado e não gostei. Era uma história de amor mas achei aquilo tão fraquinho...

    ResponderEliminar

Talk to me ;)