terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Como foi o 2012?

1) Comecei o ano iludida a pensar que as coisas iam mudar, mas a verdade, é que nada fiz para que as coisas mudassem. Cometi o erro de começar o ano exactamente da mesma forma como acabara o anterior (e depois ainda quero milagres).

2) Celebrei o sexto aniversário do blog. Parece coisa pequena, mas estas folhas "virtualmente" perdidas relatam muito de mim, mesmo que nem sempre de forma clara. Ainda assim, para quem me conhece bem, nada poderia ser mais transparente.

3) A máquina acordou! Depois de um início de ano completamente anestesiado, chega a dor atroz que rebenta violentamente comigo e me leva de volta ao abismo. Juro ser a última vez, tal e qual um drogado durante uma ressaca. Juro recomeçar de novo, tomo coragem e lanço-me à estrada.

4) Praga é o meu destino das férias da Páscoa, pela primeira vez, durante o ano que corre, sinto que me estou a conseguir libertar.
Vou a Vila Real e a Leiria constatar que o princípio do fim está aos meus pés. Uma pequena parte da minha equipa migra para estas duas cidades e não tarda seguem os restantes.
Em contrapartida, cedo ao primeiro jantar da blogosfera, e conheço pessoalmente uma mão cheia de pessoas que passam a ser mais do que palavras na minha vida.

5) Começam as guerras entre o Norte e o Sul. A instabilidade emocional toma o poder e no campo profissional tudo parece desmoronar.
A caminho, de muito longe, vem o meu Galaxy Nexus.
Resgato uma gatinha do telhado vizinho. Em pele e osso, trazia no olhar um triste abandono. Ainda tentei arranjar-lhe família, mas confesso que foi amor à primeira vista e a Sushi já estava com a sua família desde o início. O seu lugar era entre nós.

6) Assinei, finalmente, contrato com a empresa para a qual trabalhei durante 10 anos. Já não era sem tempo.
Festejo o 12º aniversário da minha filha e nem quero acreditar que o meu bebé já não é um bebé mas sim uma pré-adolescente. Os anos passam a correr.
Ainda não foi este ano que fiz as pazes com o Santo António, se bem que este ano, ele ameaçou que seria desta (malandro).

7)Começa a minha vida cosmopolita. Troco o carro pelo metro e começo a perceber como funcionam as cores do arco-íris no subterrâneo. Dou por mim a visitar cada vez mais o rio, a perceber que é nas suas margens que encontro a paz que preciso.

8)Três dias antes de fazer 36 anos, a minha filha parte uma perna, numa queda de bicicleta. Fiquei aterrorizada porque não a tinha perto de mim, estava na terra com os avós. Foi um mês pesado, muito pesado, talvez o pior mês do ano.

9) Alguns dos meus amigos migraram em Setembro para outras cidades do país e no meu peito ficou o aperto de uma saudade que só pode ser superada de tempos a tempos. Tenho, finalmente, a possibilidade de tirar alguns dias de férias e é nesta altura que chega, para mim, o Verão.

10) Deixei de fumar, assim, sem mais nem menos. Se esta atitude visava melhorar o funcionamento do meu coração (entre outros órgãos), em contrapartida voltei a contaminar este desgraçado com o sentimento de esperança. Bahhhh...abre a pestana!!! Há coisas que nunca mudam.

11) Descubro que um ex-amigo acedeu à minha conta de e-mail. Para além de perceber que esta pessoa não vale o ar que respira, percebo também que sou demasiado previsível (a minha password era demasiado óbvia para alguém com quem tinha partilhado a minha vida nos últimos anos). Mas vá, como diz a minha avó, as atitudes ficam para quem as pratica e o que sinto deste "amigo" é pena, por ser tão pequeno.

12) O Natal foi mais triste este ano, mas depois de tanta confusão, ainda houve tempo para haver entendimento antes de encerrar os doze meses.
Tomei algumas decisões que melhoraram bastante a minha qualidade de vida e por isso, penso que terminou bem, afinal, tudo está bem quando acaba bem, certo?

Constato que sobrevivi a um ano complicado. Que me tornei mais fria, mais distante, mas também muito mais forte. Todos os momentos pelos quais passei fazem parte da minha história de vida, das minhas experiências. Acredito que o 2013 seja um ano de resoluções.

Termino escrevendo o meu pensamento de todos os dias: "Nada do que fiz no passado me envergonhará no futuro, hoje faço o que preciso, amanhã recebo o que mereço."

Feliz 2013!

28 comentários:

  1. gostei da ideia das imagem :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tirei a ideia do blog da Paulinha que é mestre em fotografia ;)

      Eliminar
  2. É por isso que gosto TANTO de ti MARTA.
    Foi uma das boas coisas que a blogosfera me deu em 202, foi a tua amizade.
    Beijo grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade Béu, isso, ninguém nos tira :)
      Beijos

      Eliminar
  3. r: obrigado pela tua opinião :D

    ResponderEliminar
  4. Minha querida, que belo texto! Fiquei emocionada, a sério, com tanta sinceridade e tanta simplicidade!

    Espero sinceramente que o ano que hoje começa te seja mais leve. (Se voltares a Leiria, diz!)
    Beijinhos e BOM - MELHOR ANO!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Graça.
      Espero que o teu ano seja também um bom ano.
      Se voltar a Leiria, aviso, com toda a certeza.

      Eliminar
  5. 2013 está aí, vamos fazê-lo melhor? :)

    ResponderEliminar
  6. Grande resumo, coisas boas, coisas más. A vida é recheada disso, pode ver-se pela blogosfera nos resumos de toda a gente. O meu não foi exceção também. Desejo-te o melhor dos melhores para o próximo ano. beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A verdade é mesmo essa. Não foi tudo bom, mas também não foi tudo mau.
      Vamos tentar fazer com que este ano tenha mais coisas boas ;)

      Eliminar
  7. Adoro esse pensamento!
    E que 2013 seja um excelente ano para ti!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu que sou a senhora dos pensamentos dos outros, desta vez resolvi utilizar o meu :)
      Este ano...ou vai ou racha.
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Tb venho d um ano dificil. :'( but, O k não nos derruba torna-nos + fortes!!!
    Bjnh grd e óptm 2013!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, para ti também :)

      Eliminar
  9. Marta você é muito especial. Gostei imenso de conhecê-la e espero que os teus dias possam ser bons. Não penso que a vida só nos ofereça flores, mas penso que algumas pessoas estão mais bem preparadas interiormente para enfrentá-las, e tu és uma dessas pessoas. Eu não gosto que pensem que eu sou forte porque às vezes, muitas vezes, eu preciso de colo. Quero que tu saibas que eu estou cá a torcer por ti e se puder fazer algo pode contar.

    Beijos queridos.
    As fotos estão lindas. Sou fã.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh Carolina, obrigado pelas tuas palavras lindas :)
      O prazer foi todo meu, e espero poder estar contigo de novo, quem sabe desta vez no Brasil.
      Entendo o que dizes em relação a ser uma mulher forte, eu também sinto isso. Nem sempre quero ser forte, às vezes preciso de colo, preciso que tomem conta de mim para variar.
      Este ano será melhor, será porque queremos, porque merecemos e porque vamos fazer por isso. Um bom ano amiga.
      Beijos de Portugal.

      Eliminar
  10. Gosto muito de te ler, Acho que todos tivemos um ano muito dificil

    Abraço e bom 2013

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sérgio, e eu gosto muito de te receber por aqui.
      Gosto também da tua arte e por isso desejo que em 2013 continues a fotografar e a partilhar essa tua visão maravilhosa.
      Beijos e bom ano.

      Eliminar
  11. Desejo-te um 2013 bem mais "leve". Haverá sempre coisas menos boas, mas que no dia 31 de Dezmbro de 2013 possas apurar um saldo positivo ;)

    Um beijo e um bom ano novo, Marta :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carla, é esse o espírito.
      O ano pode não parecer favorável mas nós vamos fazer por isso :)

      Eliminar
  12. Uma coisa boa: CONHECEMOS-NOS :)
    E que bom que foi. Não troco esse dia, e agradeço por ter ganho mais uma amiga linda!
    Amei as tuas fotos ;)

    GOSTOTE BONEQUINHA XXXX

    PS: Estou orgulhosa de ti!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim Paulinha, isso ninguém nos tira. E que pena tive eu de não poderes estar no nosso almoço de fim de ano :(
      Um beijinho grande e obrigado pela força.

      Eliminar
  13. ESTOU A SEGUIR O BLOG, FELIZ 2013!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda ao meu humilde estabelecimento.
      Bom ano!

      Eliminar
  14. Efectivamente Marta, não foi um ano fácil,mas olha o meu também não foi e penso exactamente como tu, que este ano será um ano de resolução,pelo menos para o meu problema laboral que já não suporto mais.
    Espero que seja um ano bem melhor que 2012 e com muitas resoluçõespara nós!

    ResponderEliminar
  15. Foi um ano em cheio... mas não foi tudo mau, até deu para deixar de fumar...
    :)
    Será que ainda venho a tempo de desejar um Bom 2013?

    ResponderEliminar
  16. Caí aqui meio de para-quedas, mas gostei do li e gostei deste post com 2012 em fotografias. Está aí 2013, e ele será aquilo que fizermos dele!

    Beijinho

    ResponderEliminar

Talk to me ;)