domingo, 27 de novembro de 2011

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

As máquinas e os humanos


É uma coisa gira de se ver!

-A fotocopiadora não está a funcionar! Podes ajudar?
-Quando for assim, liga e desliga.
-Ah ok!

OMG!!! Liga e desliga??? E que tal ver o que se passa com o aparelho? Se não funciona é porque algo se passa.

Levantei-me e demorei 2 minutos a resolver o problema, tinha duas folhas encravadas.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

50 Lessons for Life's Little Detours


...Regina Brett recorda as 50 lições que a vida lhe ensinou.
Subscrevo e destaco as que considero mais importantes.

1. Life isn’t fair, but it’s still good.
2. When in doubt, just take the next small step.
3. Life is too short to waste time hating anyone.
4. Don’t take yourself so seriously. No one else does.
5. Pay off your credit cards every month.
6. You don’t have to win every argument. Agree to disagree.
7. Cry with someone. It’s more healing than crying alone.
8. It’s OK to get angry with God. He can take it.
9. Save for retirement starting with your first paycheck.
10. When it comes to chocolate, resistance is futile.
11. Make peace with your past so it won’t screw up the present.
12. It’s OK to let your children see you cry.

13. Don’t compare your life to others. You have no idea what their journey is all about.
14. If a relationship has to be a secret, you shouldn’t be in it.
15. Everything can change in the blink of an eye. But don’t worry; God never blinks.
16. Life is too short for long pity parties. Get busy living, or get busy dying.
17. You can get through anything if you stay put in today.
18. A writer writes. If you want to be a writer, write.
19. It’s never too late to have a happy childhood. But the second one is up to you and no one else.
20. When it comes to going after what you love in life, don’t take no for an answer.
21. Burn the candles, use the nice sheets, wear the fancy lingerie. Don’t save it for a special occasion. Today is special.

22. Overprepare, then go with the flow.
23. Be eccentric now. Don’t wait for old age to wear purple.
24. The most important sex organ is the brain.
25. No one is in charge of your happiness except you.
26. Frame every so-called disaster with these words: “In five years, will this matter?”
27. Always choose life.
28. Forgive everyone everything.
29. What other people think of you is none of your business.
30. Time heals almost everything. Give time time.

31. However good or bad a situation is, it will change.
32. Your job won’t take care of you when you are sick. Your friends will. Stay in touch.
33. Believe in miracles.
34. God loves you because of who God is, not because of anything you did or didn’t do.
35. Whatever doesn’t kill you really does make you stronger.

36. Growing old beats the alternative – dying young.
37. Your children get only one childhood. Make it memorable.
38. Read the Psalms. They cover every human emotion.
39. Get outside every day. Miracles are waiting everywhere.
40. If we all threw our problems in a pile and saw everyone else’s, we’d grab ours back.
41. Don’t audit life. Show up and make the most of it now.
42. Get rid of anything that isn’t useful, beautiful or joyful.
43. All that truly matters in the end is that you loved.
44. Envy is a waste of time. You already have all you need.
45. The best is yet to come.
46. No matter how you feel, get up, dress up and show up.

47. Take a deep breath. It calms the mind.
48. If you don’t ask, you don’t get.
49. Yield.
50. Life isn’t tied with a bow, but it’s still a gift.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

O meu olhar...|3|

"Quem é feliz não repara nas horas que passam."
Alexander Griboiedov

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Funmácia

Se precisas de uma boa dose de medicação colorida, ou seja, placebos que te iludam nas doses certas, então a Funmácia é a loja ideal para te "enfrascares". O espaço é um doce e a simpatia de quem nos recebe é um verdadeiro mimo. A nossa primeira vez é uma verdadeira aventura em que os olhos também comem. 

Eu trouxe um Inibidor de Mau Feitio e fiz questão de o oferecer logo pela manhã. Se resultou? Claro que sim, fez pequenas maravilhas ;).
No saco trouxe mais alguns que vão servir de complemento para as prendas de Natal. É sempre uma ideia original e o que não falta por aí é pessoal que precisa de adoçar a boca para dar cabo da azia da crise.

Para quem ainda não sabe onde é: Av. António Augusto Aguiar, logo à saída do Metro de São Sebastião.

domingo, 20 de novembro de 2011

Olhar cinematográfico |29|


Não conhecia o trabalho de Terrence Malicke mas já tinha ouvido dele quando saiu o filme Novo Mundo em 2005. Andava para ver este filme desde que estreou nos cinemas mas não sei bem porquê algo me fazia adiar. Cedi finalmente e fiquei surpreendida com a história de gigantes que podemos ver nesta película. Não seria capaz de descrever o filme mesmo que quisesse, primeiro, porque não tenho o dom de fazer um bom e segundo porque esta história é demasiado complexa e a interpretação do seu conteúdo, deve ficar à consideração de cada um de vós. Muita luz, imagens fantásticas e um momento musical único. Sugiro vivamente.


Embora seja uma história recente, fez-me lembrar o Mad Max, lembram-se? O tema é o mesmo, mas sem motas ou roupas futuristas. O mundo está a morrer e já poucos caminham sobre a Terra. É um jogo grotesco do "salve-se quem puder". Não é um filme para um estômago mais sensível e o fim é de ir às lágrimas. Ok, ok, eu chorei. Mas acredito que muitos de vocês de aguentem e chorem depois às escondidas.  

O cinema brasileiro não é o meu favorito mas já tenho visto bons filmes. Hoje, trago aqui mais dois, se bem que a minha preferência é para o primeiro. A sequela é um bocado mais do mesmo e é raro ultrapassar a qualidade do primeiro. De qualquer forma, nenhum nos deixa desiludido.

E para finalizar...

Mais um do Almodóvar. Já o tinha visto em 2004 mas não resisti e vi novamente.Uma vez mais, é impossível não gostar deste estilo. A visão que nos transmite é encantadora. O mundo deste génio é algo quente, terreno. Mais um filme com alma.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Jeff Buckley

Hoje, o Jeff faria 45 anos.
Se não tivesse partido tão novo, teria certamente continuado a contribuir para enriquecer o nosso meio musical. Fica aqui o registo de uma das minhas favoritas. Uma música que me acompanhou em momentos muitos importantes da minha vida.

Lover, you should've come over
'Cause it's not too late.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

To be, our not to be romantic


-Porque será que os homens deixam de ter gestos românticos depois de alguns anos de namoro?
-Pfuuuuu, porque a conquista está feita, há que ter trabalho apenas para manter!
-Ya, depois admira-te que a coisa arrefeça. Uma mulher tem de ser conquistada todos os dias.
-Oh pá isso dá muito trabalho!

Quando se inicia uma relação é tudo um mar de rosas. É jantares românticos, mimos, palavras meigas, mensagens, toques, velas, presentes, tudo e mais alguma coisa. Depois, quando tudo está garantido, estas coisas desaparecem aos poucos. Estes gestos deixam de surgir de forma natural e o romantismo fica guardado num canto. Não há surpresa, não há inovação.
O carinho e o mimo entre casais deveria ser uma coisa eterna. Dou imenso valor aos casais que estão juntos há anos e que continuam a andar de mão dada na rua, que continuam a levar o pequeno almoço à cama, que casualmente planeiam um jantar romântico. Sei que existem muitos casais assim, mas começa a ser raro. Hoje, tudo é been there, done that, next!

Ok, assumo! Eu sou estupidamente romântica.


terça-feira, 15 de novembro de 2011

O meu olhar...|2|

Tenho saudades de sair à rua e registar o meu olhar.

domingo, 13 de novembro de 2011

Almodóvar no São Jorge

E para terminar o festival em beleza, nada melhor que Almodóvar com o seu La Piel que Habito.
Ir ao cinema hoje foi esperar pelo inesperado. Um momento único com excelente companhia. Perdi-me no escuro da sala e fui envolvida pela película espanhola. Deixei-me embalar pela história e viajei para longe, para a mente de quem conta contos com fins altamente surpreendentes. O São Jorge acolheu-me como a casa onde passara uma boa parte da minha juventude. O regresso não poderia ter sido melhor.

Quando o filme acabou, aplaudimos de pé.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

O meu olhar...|1|

Tenho saudades da minha máquina fotográfica.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Há dias em que...

...somos obrigados a tomar decisões que têm uma acção directa na vida de terceiros.
Há momentos da vida que nos derrubam, que nos deixa sem chão.
Custou-me horrores passar a mensagem, custou-me horrores ser portadora de tão má notícia, mesmo sabendo que a estava devidamente fundamentada. Ainda assim...sai de lá com o coração nas mãos.
Não estava preparada para isto...
Hoje cresci mais um bocadinho.

domingo, 6 de novembro de 2011

Olhar cinematográfico |28|

E porque o tempo convida a ficar em casa a ver uma ou outra estrelinha aqui ficam mais algumas dicas de bons filmes.
History of Violence - História de Violência
Um filme de David Cronenberg, o mesmo realizador de The Fly (A Mosca). A história é intensa e as cenas bastante realistas, principalmente as mais violentas. Excelente interpretação de Viggo Mortensen e Maria Bello, um casal que vive longe da metrópole e que luta para manter o amor e a cumplicidade que os caracteriza. 

Intermission - Intervalo
Esta pequena jóia é de 2003 e conta com a representação de Colin Farrell e Cillian Murphy. Uma história passada nos subúrbios de Dublin, que nos leva ao momento em que várias personagens se cruzam. O apaixonado abandonado e o amigo que só pensa em sexo, o detective que quer um minuto de fama e o repórter que não consegue encontrar a notícia perfeita, o ladrão miserável que nunca se safa, a jovem que se junta com o tipo casado e a mulher deste que cai em desgraça e por último o puto e o bigode.
Depois de verem o filme vão perceber ;)

The Secrey Life of Bees - A Vida Secreta das Abelhas
Este filme relata a luta dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos da América, na década de 60, e já se sabe que com este conteúdo tinha de ser no mínimo envolvente. A culpa, é o tema central do enredo e há aqueles momentos em que a emoção sobe ao auge e é possível verter uma lágrima ou outra (mas isto sou eu que sou uma lamechas). Destaque fantástico para Paul Bettany e Dakota Fanning, a menina da Guerra dos Mundos. 

Também há uma dica para os petizes. Como cá em casa, ao domingo, é dia de Animação este foi o escolhido. Mas desta vez teve que ser na versão original pois não abrir mão de ouvir a voz inconfundível de Johnny Depp. Difícil é não ficar apaixonada pelo pequeno camaleão que se torna o verdadeiro herói do faroeste. 

Breaking and Entering - Assalto e Intromissão
Deixei o melhor para o fim. Um filme com Jude Law é sempre um bom filme, é certo, mas imaginem juntar-lhe Juliette Binoche! Ah pois é! Esta grande senhora faz o papel de uma refugiada da Bósnia que "sobrevive" com o filho em King´s Cross, uma zona perigosa na periferia de Londres. Will (Jude Law) é um arquitecto que procura uma criar uma estrutura sólida na sua relação com Liv, mas em vez disso deixa-se levar pelo seu lado mais selvagem e embarca numa viagem apaixonante. A mensagem é clara, há muitos amores, mas só um será o amor da sua vida, o grande amor, aquele que fica do seu lado, aconteça o que acontecer. Sugiro vivamente.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Cachecol Solidário SOS Animal

A SOSAnimal está a a fazer uma campanha para angariação de fundos para a Clínica Veterinária SOSAnimal, que disponibiliza tratamentos aos animais de estimação dos sócios e público em geral, a preços muito acessíveis. Para ajudar basta adquirir um cachecol solidário.

Os cachecóis estão disponíveis em 6 cores, com dois logótipos diferentes (cão e o gato), custam apenas 5 € e podem ser adquiridos pela internet (sem custos adicionais).

Pode ser uma boa ideia para dar de presente de Natal. Quem adora animais vai adorar e quem oferece está certamente a ajudar uma boa causa.
Fica aqui como encomendar vai net:

O Cachecol tem um custo unitário de 5 euros (portes grátis, se aplicaveis), Para o adquirir:
Via Internet: Basta fazer uma transferencia bancária do valor total da quantidade de Cachecois que prentende para o NIB do SOSAnimal - 0035 0202 00036403730 49 (conta CGD em nome de Grupo de Socorro Animal de Portugal), com a descrição “CACHECOL” e depois enviar-nos o comprovativo para o nosso e-mail sosanimal@sosanimal.com, juntamente com o seu nome e a morada de entrega para que possamos enviar por correio.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Lisbon Walker


E como a vida está difícil e o dinheiro curto, o melhor é investir mais no "viajar cá dentro" e como o combustível está pela hora da morte, o melhor é andar a pé.
Assim sendo, fica aqui uma sugestão para aproveitar melhor a nossa belíssima cidade.
Lisbon Walker propõe que se conheça Lisboa como a palma da mão. Existem nove passeios com temas diferentes e todos muito interessantes.


Não é preciso reservar, basta aparecer no ponto de encontro uns minutos antes e o bilhete custa 10 €.
Para os petizes com menos de 12 anos é gratuito pelo que pode ser uma boa dica para passar um Domingo em família. Visitem o site e descubram Lisboa.

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Santiago Alquimista

Tenho andado afastada da noite de Lisboa, por questões económicas e também pelo cansaço. Mas ontem cedi ao capricho de ir conhecer finalmente o Santiago Alquimista. Sim, é verdade. Embora esteja a dois passos aqui de casa, nunca se tinha proporcionado. Ontem foi o dia. Ou melhor, a noite.

O espaço é enorme e a sala de espectáculos está divida em dois pisos. O palco e pista no piso inferior e mezanine no piso superior que permite ter uma vista ampla de ambos os pisos. A companhia foi surpreendentemente agradável. O ambiente era leve e embora estivesse "casa cheia" não houve espaço para apertos. O grande momento da noite foi proporcionado pelos Gatos Vadios, que cantaram uma série de covers de música rock dos anos 70/80. Estes senhores, para mim desconhecidos até esta data, souberam manter a malta animada por mais de 1 hora e os temas foram bem escolhidos. Pena que depois da música ao vivo, sobrou a mão do DJ que, na minha opinião, não estava nos seus dias. Mas confesso que aquela hora, já estavam todos muito "quentes" para perceber a qualidade musical do momento, quanto a mim, venceu-me o cansaço.

Regressei a casa com duas certezas.
O Santiago Alquimista é um local onde vou regressar e que eu já só me sinto bem e confortável com música ao vivo, essa é mesmo a minha praia.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Pagas tu e pago eu!

Eu cá não sou de fazer comentário em relação ao nosso Governo mas há coisas que me tiram do sério.

"Cavaco Silva foi aos Açores por 5 dias com a sua mulher e mais 30 pessoas,(pelo menos é este o número oficial dado a conhecer aos jornalistas, ou seja, que se quer passar aos portugueses)." 

Segundo esta notícia, para acompanhar o nosso Presidente, seguiram 12 agentes de segurança, 4 assessores, 2 consultores, 1 médico pessoal e uma enfermeira e dois bagageiros. E quem é que paga viagens e estadias para esta gente toda?
Não sei se estes dados estão correctos, mas acredito que sim, uma vez que nestas coisas existe um exagero brutal na comitiva que acompanha os elementos políticos deste país.
Para cumulo dos cúmulos, à chegada ao arquipélago, Cavaco refere: "-Ninguém está imune aos sacrifícios." 

Mas afinal não estamos em recessão?
Não é suposto poupar nas despesas do Estado?
A dívida não é soberana?
É impressão minha ou anda tudo a gozar com o povo?

É para isto que eu pago cada vez mais impostos?