quinta-feira, 16 de junho de 2011

Raios a partam!

A minha avó foi assaltada na própria casa!

Pois que alguém bate à porta. Uma rapariga jovem, bem vestida, com bom ar portanto. Diz que é amiga da vizinha do 2º andar e que quer deixar o seu contacto telefónico para contratar o meu pai para um trabalho. A minha avó, que é um coração de manteiga, abre a porta e fica à conversa com a dita cuja. Estava devidamente informada a tipa e parecia saber sobre o que falava. Alguns minutos depois diz que está grávida, em início de tempo, e pergunta se pode usar a casa de banho. A minha avó querida não pestaneja e permite-lhe entrada. A caminho pede também um copo de água. O corredor da casa da minha avó é enorme e enquanto a velhota (ternamente escrito) se desloca para a cozinha a larápia põe-se a caminho do quarto e num abri e fechar de olhos, desvia secretamente o porta-moedas, um perfume e uma caixinha de jóias. Volta ao corredor onde se encontra com a minha avó e só aqui é que ela se dá conta que algo está errado. A espertalhona ainda foi até á cozinha para rabiscar um número de telefone falso num papel e enquanto o diabo esfrega o olho, desvia-lhe também o telemóvel.
A lambisgóia dá o seu trabalho por terminado e despede-se com muita pressa...e desce as escadas quase que a galopar. Grandessíssima mula!!!

O que vale é que o porta-moedas que levou tinha 0.50€, o perfume foi um favor que nos fez já que tinha sido um presente de natal com um cheiro tanto ao quanto nauseabundo e a caixinha de jóias tinha penas uma quantidade substancial de pechisbeque que já ninguém usa. O máximo que conseguiu foi 5€ pelo telemóvel que pouco ou nada valia.

Pena tenho de não a poder apanhar por ai, porque esta senhora merecia levar uma valente sova.
Secretamente, desejo que lhe cresça um acto num sítio pouco confortável...quiça assim em vez de andar a roubar o povo não vai mas é lavar escadas.

Repito: Grandessíssima mula!!!

15 comentários:

  1. Neste caso o crime não compensou. :)
    Menos mal. :))

    ResponderEliminar
  2. Adorava ter visto a cara da dita cuja quando visse a maravilha de coisas que tinha roubado :D

    ResponderEliminar
  3. Teve azar a mula. E a tua avó para a próxima já estará mais prevenida. Há que pensar positivo.

    ResponderEliminar
  4. Penso que as pessoas na idade das nossas avós não tem maldade que é necessário para viver nesse mundo cão. Que bom que nada de mal a aconteceu.

    ResponderEliminar
  5. Chiça que nem em casa podemos estar descansados. Mas deixa lá, essa mula vai ter certamente o que merece. Merecia um grandessíssimo pontapé na boca, a ver se para a próxima não fazia isso a mais ninguém.
    Bem, o que interessa é que não foi um assalto violento e tudo ficou bem com a tua avó. ao menos isso...

    ResponderEliminar
  6. Realmente isto hoje em dia está pior que o Deus me Livre, há pessoas sem vergonha nenhuma!! Ainda bem que não lhe fizeram mal é sempre disso que tenho receio! Tadita com bom coração e acontece a todos temos que começar a desconfiar de toda a gente!! bolas!!!

    ResponderEliminar
  7. Ainda hoje de manhã ouvi na rádio que os crimes diminuíram, mas que a forma como o fazem é cada vez mais elaborada e violenta :S

    ResponderEliminar
  8. É inacreditável as artimanhas desses gatunos. E ás vezes vão muito para além disso. Uma beijoca para a avó que espero que já esteja mais calma, pois deve ter passado momentos muito difíceis.

    Beijocas, Polly

    ResponderEliminar
  9. Não me venham com a treta da crise, porque não são as pessoas honestas desempregadas que andam a roubar.
    Abençoados aqueles moradores de Santa Maria da Feira (se não estou em erro) que caçaram uns tipos a assaltar um carro e enquanto a GNR não chegou deram-lhe uma carga de porrada que os deixaram a pão e laranja.

    ResponderEliminar
  10. Bolas! E não ter feito mal à velhota (ternamente escrito) foi uma sorte. Isto está é a ficar a ferro e fogo!

    ResponderEliminar
  11. Meu Deus! Ao que isto já chegou!
    Lamento...

    ResponderEliminar
  12. Marta infelizmente a criminalidade irá aumentar nos próximos tempos. Só uma sociedade unida e solidária conseguirá acalmar o ímpeto dos larápios!
    Vê o lado positivo, a tua avó está bem e a ladra fez o favor de levar o perfume.. ehehheh
    Tem calma.. Foi um suto e todos devemos tirar elações do que nos descreveste.. Cabe a cada um de nós zelar pelos que nos são mais próximos.. As autoridades policiais não conseguem responder a todas as necessidades..
    bj para ti e para a tua avó! ; )

    ResponderEliminar
  13. Existem pessoas tão estúpidas e horríveis que até me dá náuseas.. Mas ainda bem que não levou nada de muito valioso e que a tua avó está bem! :)

    ResponderEliminar
  14. Infelizmente as pessoas idosas são os alvos preferenciais deste tipo de crime. Ainda bem que não aconteceu nada mais grave. O conselho que deixo é: sempre que virem pessoas desconhecidas na vizinhança a fazerem perguntas acerca de quem vive lá, a contarem histórias da carochinha e a pedirem favores, DESCONFIEM SEMPRE até conseguirem confirmar o que contam. Normalmente estão a pedir informações acerca de alguém para poderem ter uma conversa plausível que não levante suspeitas e terem acesso à casa de forma fácil. Qualque um pode ser enganado mas cabe-nos a todos estarmos atentos aos sinais.

    ResponderEliminar

Talk to me ;)