segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Porque por estas bandas nada é fácil...


...toma lá e embrulha.

Estou a ficar desesperada!
Será possível que não exista nenhuma escola em Lisboa com vagas para o 5º ano????
Ando nisto desde finais de Junho e a resposta é sempre a mesma: Lamentamos mas não temos vagas!

Já estamos a caminhar para a 2º quinzena de Agosto e até agora nada, dizem que tenho de esperar. Hoje fui à DRELVT ver o que podia ser feito, visto que as três escolas que escolhi nenhuma quer aceitar o processo por falta de vagas e anda a "chutar" a inscrição da minha filha de um lado para o outro. Como nada é fácil, amanhã vou ter de ir à escola onde está o processo e reunir uma série de documentos para entregar novamente na DRELVT e esperar que "alguém" consiga um cantinho para a minha filha poder estudar. E tenho mesmo que esperar sentada pois o mais provável é que só tenha uma resposta lá para Setembro.

Já que estou a abordar o tema, e para que não fiquem como eu, às escuras e a fugir do polvo...eu explico porque é que este fenómeno se está a dar. Sim, porque eu sou Karmica mas não tanto, como eu, há muitas mamãs por aí a querer cortar os pulsos por não ter uma escola onde possa escrever o seu rebento.

Segundo a Direcção Regional da Educação, este ano houve um Boom de inscrições no 5º ano. Não porque tivesse havido uma subida na taxa de natalidade no ano de 2000, mas sim devido à crise económica que anda meter as mão no bolso de toda a gente. Pois se muitos de nós conseguiam fazer um esforço para ter os seus filhos em colégios particulares, agora não tem outro remédio senão procurar escolas publicas, porque o mais certo é a malta deixar de ter dinheiro até para o pão. O pior é que os alunos vindos de colégios particulares ficam no funda da lista...

Resumindo e concluindo, de quem é a culpa?
É minha, porque a coloquei a minha filha num colégio particular do 1º ou 4º ano. Porque me preocupei em saber que ninguém lhe "gamava" o lanche...por ter preferido que ela começasse o ensino num ambiente mais familiar, por pagar para ter um serviço melhor (pelo menos enquanto tinha estabilidade para isso).

Pfuuu e agora, só porque a guita está escassa, queres meter a tua menina numa publica, ha ha...não antes de passares as passas do Algarve!


17 comentários:

  1. Bem, mas se o ensino é obrigatório, não percebo que regras são essas.
    Não bastava um atestado de residência a justificar a proximidade desta ou daquela escola?
    Mas isto sou eu a "pensar". Coisa que parece rara em quem nos deveria governas e só pensa em governar-se a si próprio.
    Afinal estamos em Portugal, né? Lisboa ainda é Portugal, ou estou a delirar.
    É preciso uma paciência de corno para aturar bur(r)ocracias.

    ResponderEliminar
  2. A questão é mesmo essa, escolhi três escolas no centro de Lisboa visto que moro na Baixa mas ao que parece eles dão prioridade a quem aqui trabalha e não a quem mora nestas bandas.
    Não há pachorra para lidar com estas regras!

    ResponderEliminar
  3. É um assunto que me passa ao lado, não tenho filhos, não sei como essas coisas funcionam... mas imagino que deve ser desesperante :S

    ResponderEliminar
  4. Pois claro! É preciso arranjar vaga para os filhos da malta que ganha o RSI, porque é sabido que esses do 5º anos não passam (agora se calhar já começam a passar!) Esses é que são prioritários!

    ResponderEliminar
  5. Caia,
    Um dia terás e depois eu dou-te umas dicas :)
    *
    L´Enfant Terrible,
    É altamente frustrante saber que passam a vida a fechar escolas e a dizer que há professores sem trabalho e depois ainda têm a lata de me dizer: NÃO HÁ VAGAS!

    ResponderEliminar
  6. Quem te manda não morar num acampamento? Bastava dares um apertucho no Seu Director e tinhas vaga para a tua filhota num instante!

    ResponderEliminar
  7. E depois ainda se admiram que a malta se cheteie... credo, até para poder estudar a malta tem que "penar"... não bastava que fosse obrigatória, mas agora também é quase impossível... Que cena!
    Mas vai correr tudo bem, e a tua menina vai ficar numa escola que lhe dê boas condições. Vais ver.

    ResponderEliminar
  8. ººº
    A culpa será em quem votou Sócrates ou as coisas não passam por aí?

    ResponderEliminar
  9. Faz como eu que meto os meus numa escola privada ´so porque uma das educadoras tem umas grandas mamas. Depois tens uma contrapartida que é teres de assaltar velhotes no MB e no dia em que vão levantar as pensões mas pa . . . tudo em prol de uma boa educação !

    ResponderEliminar
  10. Ainda nos vamos encontrar na Suíça...
    lá pelo menos tudo é gratuito e vagas arranjas, emprego é que é mais difícil, mas havemos de lá chegar ;)

    Beijos

    João

    ResponderEliminar
  11. a resposta "id blowing in the wind" ...raios parta a crise...

    beijo vagabundo

    ResponderEliminar
  12. Anónimo10.8.10

    Martinha,

    Tou à tua espera. Aqui na Escola Portuguesa há muitas vagas :)

    Esse país tá mesmo deprimente... Foge em enquanto há tempo...

    Beijos!!!
    J.

    ResponderEliminar
  13. Estou parva! E agora? Não tinha noção disso...que preocupação...

    ResponderEliminar
  14. Por isto e por outras coisas é que na altura em que me decidir começar a ter rebentos quero voltar para o Alentejo se a vida assim o permitir. Quando fui para o 1º ano, a minha turma tinha 6 alunos, quando passei para o 2º só entrou uma menina para o primeiro.
    A mesma professora dava aulas a dois anos, porque não passavamos de 15 todos juntos :).

    Boa sorte Martinha.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Rafeiro Perfumado,
    Eu cá achava que isto era impossível de acontecer na Grande Lisboa...
    *
    RMA,
    Espero bem que sim!
    *
    JOTA,
    Eu não sei de quem é a culpa e sinceramente estou-me nas tintas para isso, mas que me apetece partir a cara a alguém, apetece!
    *
    Rui,
    Pois...só se for roubar!
    *
    João,
    Cheira-me que quando não é do cú é das calças :)
    *
    Olhar Vagabundo,
    Podes crer, raios os partam a todos!
    *
    J,
    Cada vez mais tenho a certeza que não pertenço aqui. Já estive mais longe de fazer as malas e partir.
    *
    Dora,
    Ainda estou à espera de resposta, mas sinceramente também não estava à espera disto...
    *
    Cereja,
    Bolas, nunca pensei que fosse tão complicado...mas afinal anda para aí a fechar escolas e depois é isto.
    Pfuuuuuuuu.

    ResponderEliminar
  16. Já viste na Paula Vicente?

    É um bocado longe da baixa... mas é uma escola fixe.

    ResponderEliminar
  17. Neste momento estou em lista de espera, seja para que escola for :(

    ResponderEliminar

Talk to me ;)