domingo, 17 de setembro de 2006

Ficou-me no ouvido...porque não partilhar...



Eu gostava de olhar para ti

E dizer-te que és uma luz

Que me acende a noite, me guia de dia e seduz...

Eu gostava de ser como tu

Não ter asas e poder voar

Ter o céu como fundo, ir ao fim do mundo e voltar...

Eu gostava que olhasses para mim

E sentisses que sou o teu mar

Mergulhasses sem medo, um olhar em segredo, só para eu

Te abraçar...

O primeiro impulso é sempre mais justo, é mais verdadeiro...

E o primeiro susto dá voltas e voltas na volta redonda de um beijo profundo...

Eu...

Eu não sei o que me aconteceu...

Foi feitiço!O que é que me deu?

Para gostar tanto assim de alguém

Como tu...

4 comentários:

  1. Anónimo18.9.06

    Andre Sardet...mt bem!

    ResponderEliminar
  2. Estou um pouquito triste....acho sad saber as tuas preocupações,novidades ou tristezas através de um blog....!Ando um pouco á toa com o que se passa contigo!acho que não faço parte do teu circulo como deveria fazer...

    ResponderEliminar
  3. Sabes que sou assim...fechada.
    Escrevo o que não digo com grande facilidade. Às vezes quero desabafar contigo e com amigos, mas é táo mais fácil faze-lo sobre o teclado...
    Estranha forma de vida, mas tão comum entre nós, mortais!

    ResponderEliminar
  4. Profunda, serena e bela... esta mensagem de amor :)

    Marta estremeci, respirei fundo e reli... simplesmente lindo :)

    beijos

    Nuno

    ResponderEliminar

Talk to me ;)